Honda City LX 1.5

Honda City LX 1.5 - Araxá

Honda City LX 1.5

  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
  • Honda City LX 1.5
À Combinar
Ficha técnica
  1. Combustivel: Flex
  2. Cor: Cinza
  3. Portas: 4
  4. Ano/Modelo: 2011/2011
  5. Km: Não informado
  6. Usado: Sim
Acessórios
  1. - Completo
  2. - ABS
  3. - Air Bag
  4. - Ar Condicionado
  5. - Ar Quente
  6. - Banco de Couro
  7. - Direção Hidráulica
  8. - Roda de Liga Leve
  9. - Sensor de Ré
  10. - Trava Elétrica
  11. - Vidro Elétrico
Observações

Tedinho Automóveis - Araxá

Tedinho Automóveis - Araxá Tedinho Automóveis - Araxá Tedinho Automóveis - Araxá
Endereço: Av. Amazonas,51 - São Geraldo - Araxá - Minas Gerais
WhatsApp: (34) 988746244
Telefone: (34) 36642527
Telefone: (34) 36610523
Celular: (34) 991489877
Celular: (34) 999861453
Celular: (34) 988746244
Fax: (34)3664-2527
Contato: Consultor de Vendas
Atenção
  1. 1. Os dados aqui informados são de inteira responsabilidade do anunciante, cabe ao usuário certificar-se da veracidade das informações e do estado de conservação do veículo que pretende comprar.
  2. 2. A Autoscar não realiza a intermediação das vendas, compras, trocas ou qualquer outro tipo de transação feita pelos usuários, não recebendo qualquer comissão ou participação nas negociações que eventualmente se realizarem através de anúncios veiculados neste website.
  3. 3. Não nos responsabilizamos por quaisquer danos diretos e/ou indiretos causados ao usuário ou a terceiros, advindos da exibição dos anúncios em desacordo com as Leis Criminal, Civil e em especial ao Código Brasileiro de Defesa do Consumidor, por parte do anunciante.

Pelo tempo de circulação no Brasil, o Honda City aparenta ser um novato, mas, ao se olhar sua história, o City já possui bons anos de existência no mercado automobilístico mundial.

Sua origem se dá em novembro de 1981, quando a montadora japonesa lançou a versão hatch para ocupar o lugar do Civic, que naquela época já não podia usufruir das vantagens fiscais dos chamados “carro K”.

Tinha como características um bom espaçamento interno, uma carroceria com colunas estreitas, motor 1.2, com 67 cv de potência e 10 kgfm de torque; havia as opções de câmbio manual de quatro e cinco marchas e o automático de três velocidades.

Em 1994, quando foi apresentada a sua terceira geração, a versão hatch foi aposentada cedendo lugar de vez para o sedã, que era uma espécie de modelo simples do Civic, que trazia as opções 1.3 e 1.5 de motores, ambos de comando único, injeção eletrônica e de 16 válvulas; a potência variava de 90 cv no 1.3 e 110 cv no 1.5, a transmissão podia ser manual de cinco marchas ou automática de quatro marchas.

No Brasil o veículo só chegaria em 2009, quando já se encontrava em sua quinta geração, sendo apresentado apenas na versão 1.5, com comando I-VTEC, motor Flex de 16 válvulas, entregando 116 cv quando abastecido a álcool e 115 cv a gasolina.

Hoje se encontra na sua linha 2013, que tem como itens de série freios ABS, com distribuição eletrônica de frenagem (EBD), rodas de aro 15, e sensor de estacionamento traseiro. É o terceiro modelo mais vendido da Honda no Brasil, e o 33º no ranking geral.

Versões comercializadas do City: DX, LX, EX e Sport.